DeSantis diz que estado “não está recebendo turistas”em busca da vacina


Segundo o governador 223 mil idosos já foram imunizados em todo o estado (foto: Twitter)
Segundo o governador 223 mil idosos já foram imunizados em todo o estado (foto: Twitter)

Em um vídeo publicado no Twitter nesta terça-feira (12), o governador Ron DeSantis disse que continuará a colocar os idosos em primeiro lugar quando se trata da vacina contra a covid-19.

DeSantis disse que mais de 223 mil dos 4,5 milhões de idosos do estado já foram imunizados, o que representa mais de 50% das vacinas administradas no estado.

Sobre a polêmica do “turismo da vacina”, ele falou que idosos de todo o mundo estão ligando para saber se podem ser vacinados na Flórida, mas o estado está limitando as doses aos residentes.

“Não estamos recebendo turistas”, disse DeSantis, “estamos desencorajando as pessoas a virem para a Flórida apenas para obter uma vacina. Acho que se eles ligarem para Jackson (Memorial Hospital) e dizerem:‘Ei, estou em New York, não posso ser vacinado, posso descer? ’, vamos responder‘ não faça isso ’.”

A única exceção, segundo o governador, são os snowbirds, que todos os anos passam longas temporadas no estado e contribuem fortemente para a economia regional.

Um relatório do Florida Health divulgado nesta segunda-feira (11), informa que mais de 540 mil habitantes do estado já receberam suas primeiras doses.   

Além dos idosos, a vacina está sendo priorizada para profissionais que atuam na linha de frente da área da saúde como médicos e enfermeiros.

O Conselho Escolar do Condado de Pinellas chegou a pedir ao governador que classifique os professores como trabalhadores essenciais para que possam receber a vacina.  Mas DeSantis disse que não tem planos de priorizar a vacinação de jovens.

“Estamos fazendo 65 anos ou mais. Acho que agora você vai ver o governo federal dizer às pessoas que é a melhor maneira de fazer isso.”


mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • chat
    Adicionar um comentário