Trump proíbe exploração de petróleo no litoral da Flórida até 2032


Donald Trumo discursa em frente ao Farol e Museu da entrada de Júpiter, FL (foto: REUTERS/Jonathan Ernst)
Donald Trumo discursa em frente ao farol e museu da entrada de Júpiter, FL (foto: REUTERS/Jonathan Ernst)

Tradicional defensor da indústria petroleira, Donald Trump assinou nesta terça-feira (7), uma ordem-executiva que prorroga a moratória de 10 anos para as perfurações de poços de petróleo na costa da Flórida.

“Isso protege seu lindo golfo e seu lindo oceano, e isso continuará por muito tempo”, disse Trump em frente ao farol e museu da entrada de Júpiter.

A moratória para a perfuração no leste do golfo do México, que deveria expirar em 2022, será prorrogada até 2032. Embora o interesse na perfuração offshore tenha diminuído com a fraca demanda de petróleo durante a pandemia de coronavírus, a ordem poderia ser revertida por um futuro presidente – como Trump tentou no início de seu mandato.

Em 28 de abril de 2017,  Trump emitiu a ordem-executiva 13795 , que visava revogar as moratórias de 2015 e 2016 decretadas pelo ex-presidente Barack Obama, que proibia futuras atividades de petróleo e gás em milhões de acres no Ártico e no Oceano Atlântico.

O rival democrata de Trump na corrida à Casa Branca, Joe Biden, apressou-se a assinalar pelo twitter que, “há poucos meses, Donald Trump planejava permitir a perfuração de petróleo e gás na costa da Flórida. Agora, há 56 dias das eleições, afirma, convenientemente, que mudou de opinião. Incrível.”

Biden disse que Trump se recusou a ouvir cientistas sobre mudança climática e seu histórico ambiental tem sido principalmente sobre a eliminação de regras sobre ar e água limpos e abertura de terras públicas para perfuração.

Além disso, em meados de agosto, Trump aprovou uma medida que abrirá caminho para a perfuração de petróleo e gás numa reserva da vida silvestre no Alasca, lar dos ursos polares.

As últimas pesquisas de intenções de voto na Flórida mostram Trump e Biden praticamente empatados .


mood_bad
  • Ainda não há comentários.
  • chat
    Adicionar um comentário